quinta-feira, julho 31, 2008

Com água benta no corpo e um balão vermelho na mão...




Há sombras nas paredes e pontos de interrogação cravados no chão...

Há ideias que parecem certas e outras tantas que sabem a erros desmedidos...

Há marcas estranhas nos locais mais conhecidos e passos que querem ser firmes mas que ainda tremem quando pisam o caminho...

Há dias sem sol e raios de luz em pleno Inverno emocional...

Há noites que deviam ser simplesmente um dia mais curto e nada mais...

Existem coisas incompreensíveis e outras que não quero compreender...não gosto da verdade, mas procuro-a sempre debaixo dos tapetes empoeirados ou escondida nas gavetas mais recheadas...Assim é difícil encontrá-la..eu sei...mas não me importo.

Existem dores que demoram a passar e existem dores que nunca passam....nas horas intermédias apenas se fazem sentir presentes e nada mais.

São como aqueles ecos que ouvimos mas não sabemos onde nascem...mas não deixamos de os ouvir mesmo que eles venham do nada...arrepiam qualquer um.

Existem momentos que deviam ser passados no calor de uma cama ou na barriga de uma mãe, para não nos sentirmos tão frios por dentro.Nesses momentos que nos forçam para acordar ou para antecipar o parto, só nos apetece pedir...deixem-nos ficar aqui, porque aqui sentimo-nos abençoados...





Daniela Pereira

Direitos Reservados

Foto by DeviantArt-Let-them-blow-away by Rubyrubes

3 comentários:

antónio prates disse...

Palavras que nos cinzelam o raciocínio e nos embalam a alma, através de pétalas esculpidas de uma flor elevada e de versos que se escrevem com o calor da inspiração...

Adorei...!

Como também gosto de ajardinar palavras e sonhos, peço permissão para partilhar o endereço do meu Blog:

http://antonioprates.blogspot.com/

Directamente do Alentejo... Obrigado!

Daniela Pereira disse...

Sabe bem ler-te :)
O mesmo nome que eu, é bom saber dessa existência :) *

RESSACA ® disse...

Pedindo antecipadas desculpas pela “invasão” e alguma usurpação de espaço, gostaríamos de deixar o convite para uma visita a este Espaço que irá agitar as águas da Passividade Portuguesa...